Ir para o conteúdo

Na quarta-feira (24) e quinta-feira (25), a maior rede de popularização da ciência e tecnologia na América Latina e Caribe realiza um evento único. O XVII Congresso Virtual da RedPOP apresenta uma extensa programação de palestras, oficinas, podcasts, conteúdos transmídia e a apresentação de mais de 130 trabalhos de pesquisadores e divulgadores científicos de diversos países. Após uma pausa em 2020, o evento será transmitido diretamente do Uruguai, de forma 100% virtual. O Museu da Vida está entre as instituições participantes.

O chefe do Museu da Vida Héliton Barros, a jornalista e representante do Museu da Vida Renata Fontanetto e a coordenadora Instituto Nacional de Comunicação Pública de Ciência e Tecnologia (Casa de Oswaldo Cruz / Fiocruz) Luisa Massarani são alguns dos nossos pesquisadores que participarão de mesas no congresso.

Confira aqui a programação das atividades que contam com participação dos representantes do Museu da Vida:

 

Por que é importante sistematizar e publicar o conteúdo de divulgação científica que é desenvolvido na América Latina?
Quando: 24 de novembro
Horário: 12h40 às 13h40 Uruguai (UTC-3)
Resumo: Nesta mesa, especialistas da nossa região refletem, falam e apresentam alguns dos trabalhos que vêm sendo realizados nos últimos tempos e a importância de termos uma janela para a publicação de novos trabalhos na JCOM LATAM. 
Participantes: Luisa Massarani (coordenadora e editora do JCOM-LATAM), Lourdes Patiño Barba (coordenadora da coleção Somedicyt), além de Claudia Aguirre e Juan Nepote (co-coordenadores dos livros “Instruções para fazer da ciência um drama (ou comédia!)” e “Instruções para construir museus de ciência”).

 

Workshop: Controvérsias - Ferramenta, desafio e potencial para a popularização da ciência em museus
Quando: 24 de novembro
Duração: 2 horas
Espaço: 30 participantes
Horário: 14h00 às 16h00 Uruguai (UTC-3)
Resumo: Neste workshop organizado pelo Musa Iberoamericana - Red de Museos y Centros de Ciencia / Cyted, o tema será a importância de tratar as controvérsias nos museus de ciência e compartilhar estratégias e ferramentas para lidar com elas de maneira produtiva. 
Participantes: Luisa Massarani (Instituto Nacional de Comunicação Pública de Ciência e Tecnologia - Casa de Oswaldo Cruz / Fiocruz) e Yurij Castelfranchi (Instituto Nacional de Comunicação Pública de Ciência e Tecnologia; Universidade Federal de Minas Gerais). 

 

Os mediadores, protagonistas em novos produtos. Desafios e novas formas de mediar
Quando: 24 de novembro
Horário: 16h30 às 17h30 Uruguai (UTC-3)
Resumo: Ao longo desta sessão, colegas da região falarão sobre o que significa mediação em um museu de ciências, como ela está se acontecendo no contexto pandêmico e como os mediadores tiveram que se adaptar aos novos requisitos. 
Participantes: Fiorella Silveira é coordenadora educacional do Espacio Ciencia e será moderadora da mesa, que conta com a participação de Héliton Barros (chefe do Museu da Vida - COC / Fiocruz), Angélica Múnera (coordenadora de pesquisa e conteúdo da Maloka) e Pamela Núñez (profissional de conteúdo e diretora de educação do Museo Mirador Interativo). 

 

Mediadores e educadores de museus e centros de ciência ibero-americanos
Quando: 25 de novembro
Horário: 12h30 às 13h30 Uruguai (UTC-3)
Resumo: Nesta mesa organizada pela Musa Iberoamericana: rede de museus e centros de ciência / Cyted, serão discutidos os desafios da mediação humana a partir de um estudo com cerca de 1.000 profissionais que atuam na mediação em museus e centros de ciência ibero-americanos.
Participantes: Constanza Pedersoli (Programa Novo Mundo UNLP) será a moderadora da mesa, que conta também com a participação de Luisa Massarani (Instituto Nacional de Comunicação Pública de Ciência e Tecnologia - Casa de Oswaldo Cruz / Fiocruz), Patricia Castellanos Pineda (Universidad Internacional de Valencia - Espanha), Sigrid Ignacia Falla Morales (Maloka - Colômbia) e Alba Patricia Macías-Nestor (Universidad Nacional Autónoma de México). 
 

Ciência para quem? Dados e experiências para adicionar públicos
Quando: 25 de novembro
Horário: 16h30 às 17h30 Uruguai (UTC-3)
Resumo: As diferentes abordagens que, a partir de pesquisas e experiências de trabalho, podem encontrar novos públicos.
Participantes: Renata Fontanetto (Museu da Vida - Projeto Rap e Ciência), Lourdes Patiño Barba (Fibonacci), Noela Invernizzi (Universidade Federal do Paraná). A mesa será moderada por Rocío Ramírez Paulino, do Instituto Investigaciones Biológicas Clemente Estable (Uruguai). 

 

A formação de comunicadores de ciência nos tempos de COVID-19 
Quando: 25 de novembro
Horário: 16h30 às 17h30 Uruguai (UTC-3)
Resumo: Nesta sessão, são compartilhados os desafios e as lições aprendidas em quatro instituições que oferecem cursos, diplomas e pós-graduação para a formação profissional de comunicadores de ciências. Luisa Massarani falará sobre os desafios e vantagens da adaptação do Mestrado em Divulgação em Ciência, Tecnologia e Saúde oferecido pela Casa de Oswaldo Cruz (COC/Fiocruz).
Participantes: Elaine Reynoso (DGCD / UNAM), Susana Herrera (Instituto Tecnológico del Occidente do México), Luisa Massarani (Instituto Nacional de Comunicação Pública de Ciência e Tecnologia - Casa de Oswaldo Cruz / Fiocruz) e Sandra Muriello (Universidad Nacional de Río Negro - Argentina). 


Publicado em 17 de novembro de 2021. 

Link para o site Invivo
link para o site do explorador mirim
link para o site brasiliana

funcionamento: Estamos fechados devido à pandemia. Siga-nos nas redes sociais!

Fiocruz, Av. Brasil, 4365 - Manguinhos, Rio de Janeiro| CEP: 21040-900

Copyright © Museu da vida | Casa de Oswaldo Cruz | Fiocruz

museudavida@fiocruz.br

Assessoria de imprensa: divulgacao@coc.fiocruz.br.

conheça