Ir para o conteúdo

O Museu de Astronomia e Ciências Afins (MAST) promoveu a XXVI Semana de Astronomia (SEMA), de 13 a 17 de novembro. Em comemoração ao feriado da Consciência Negra, a instituição lembrou as contribuições dos povos africanos para a astronomia moderna e cultural. Durante cinco dias, o público teve oportunidade de conhecer as últimas descobertas da ciência por meio de atividades lúdicas e palestras para crianças, jovens e adultos. Uma das novidades deste ano foi uma programação específica para professores, que aconteceu paralelamente à programação voltada para os visitantes do museu e contou com a presença de cientistas africanos. As atividades, gratuitas, tiveram a participação do grupo do planetário do Museu da Vida.

Dentre os destaques da Semana de Astronomia do MAST, o público teve acesso a sessões de planetário sobre astronomia nas culturas africanas, sessões de filmes e debates com o Coletivo Cine Clube Atlântico Negro, palestras de astronomia na perspectiva étnico-racial, oficinas com astrônomos do Observatório Nacional e pesquisadores do museu, como as de “Astronomia” e a de “Relações Raciais e Cultura Brasileira”, além de uma mesa-redonda sobre as contribuições dos povos africanos para a astronomia moderna e cultural. Houve um sarau astronômico-musical com Pedro Cantalice, primeiro bacharel em cavaquinho do Brasil.

Veja aqui a Programação Completa.

Fonte da notícia: Museu de Astronomia e Ciências Afins (MAST)

Link para o site Invivo
link para o site do explorador mirim
link para o site brasiliana

Funcionamento: de terça a sexta, das 9h às 14h30.

Fiocruz: Av. Brasil, 4365, Manguinhos, Rio de Janeiro. CEP: 21040-900

Contato: museudavida@fiocruz.br

Assessoria de imprensa: divulgacao@fiocruz.br.

Copyright © Museu da vida | Casa de Oswaldo Cruz | Fiocruz

conheça