Ir para o conteúdo

Alimentando o Olhar na Saúde
Utilizando um tapete lúdico, a atividade busca contextualizar conhecimentos sobre alimentação e saúde em diferentes territórios.
Público prioritário: todos

Com água verde não se brinca!
O objetivo desta atividade é alertar a população sobre os riscos das cianobactérias tóxicas à saúde pública. As cianobactérias, popularmente conhecidas como algas azuis, são organismos que podem se proliferar em ambientes aquáticos, quando estes apresentam-se poluídos por esgoto doméstico e industrial ou por fertilizantes agrícolas. 
Público prioritário: crianças, adolescentes e adultos

Contribuição da Vigilância Sanitária para a Redução das Desigualdades
Atividades expositivas relacionadas ao controle de qualidade de produtos como medicamentos, alimentos, vacinas e cosméticos.
Público prioritário: todos

Div & Ap - Doença de Chagas: divertindo e aprendendo sobre a doença de Chagas
Jogo educativo sobre os principais vetores da doença de Chagas no Brasil.
Público prioritário: jovens e professores

Genética do dia a dia
Por meio de jogo similar ao dominó, serão abordadas questões relacionadas ao funcionamento básico de uma célula, além da discussão sobre questões polêmicas, como clonagem, transgênicos e terapia celular.
Público prioritário: adolescentes, adultos e idosos

HIV e Aids: tire suas dúvidas!
Atividade expositiva com maquete mostrando a estrutura do HIV e de uma célula do sistema imunológico, além de jogo educativo e oficina.
Público prioritário: todos 

Jogo da Onda Virtual: um material educativo sobre drogas
Jogo que visa promover o diálogo, a interação e o conhecimento de jovens, pais e educadores sobre temas associados ao uso indevido de drogas.
Público prioritário: adolescentes, adultos e idosos

As Leishmanioses
Os flebotomíneos, transmissores das leishmanioses, poderão ser visualizados em lupa e em tubos. Haverá também mesa de desenho, quebra-cabeça e jogo da memória.
Público prioritário: todos

Matemática e estatística aplicadas ao controle de doenças transmissíveis
Conversa sobre como a matemática e a estatística podem auxiliar na caracterização de doenças transmissíveis, como dengue, influenza etc. 
Público prioritário: todos

A matemática está em tudo
Oficinas variadas, incluindo montar uma réplica de um motor eletromagnético utilizando objetos simples e de fácil acesso, como pilhas, alfinetes, fio de cobre e fita durex. 
Público prioritário: todos

Medicamento Não É Brinquedo
Utilizando maquetes de um consultório médico e de um ambiente doméstico, serão apresentadas medidas que diminuem o risco de intoxicações por medicamentos. 
Público prioritário: todos

Microorganismos & Alimentos: os que nos ajudam e os que nos atrapalham
Os participantes poderão conhecer microrganismos associados a doenças e microrganimos associados à microbiota natural, e como os alimentos que consumimos podem afetar essa microbiota e nos deixar mais vulneráveis a doenças.
Público prioritário: todos

Mostra Itinerante Saúde e Meio Ambiente nas Escolas
Exibição de trabalhos realizados por professores e alunos de todo o Brasil, considerados de excelência por suas abordagens de temas urgentes nos campos da saúde e do meio ambiente.
Público prioritário: todos

Olho Vivo no Barbeiro: uma ação independente das desigualdades
Serão apresentadas as formas de desenvolvimento do barbeiro, como ocorre a dispersão entre os diferentes ambientes e a colonização do domicílio, bem como as medidas de prevenção da doença de Chagas.
Público prioritário: todos

Olho Vivo no Percevejo de Cama: um incômodo nos cômodos independente das desigualdades
Serão apresentadas as formas de desenvolvimento do percevejo de cama, como ocorre a dispersão e as infestações nos diferentes ambientes, e as medidas de prevenção e controle que vêm sendo utilizadas.
Público prioritário: todos

Praticando a Biossegurança
Exposição de equipamentos de proteção individual (EPI) e coletiva (EPC), demonstração de uso, conversa sobre sinais de risco e jogos.
Público prioritário: todos

Produção de iogurte caseiro: da ciência para a mesa
Procedimentos de como se produz iogurte caseiro a partir de leite integral, abordando como a sociedade tem utilizado bactérias para transformar alimentos a partir do processo de fermentação láctea. 
Público prioritário: todos

Que doença tropical é essa?
Jogue com a gente e conheça as formas de transmissão das doenças tropicais.
Público prioritário: todos

O que o cocô pode falar?!
Conheça as características dos vermes e protozoários intestinais; jogue com a gente e descubra se aprendeu a se prevenir das parasitoses.
Público prioritário: todos

Quiz: Olimpíada e os 17 ODS 
Jogo sobre os 17 Objetivos do Desenvolvimento Sustentável e a Agenda 2030.
Público prioritário: todos

Respirar Bem
A proposta é demonstrar características do pulmão saudável e na condição de algumas doenças crônicas, como asma, enfisema e silicose, abordando também formas de prevenção e tipos de tratamento; serão realizadas atividades práticas como visualização do tecido pulmonar ao microscópio.
Público prioritário: crianças, adolescentes e adultos

Sindicato dos Trabalhadores da Fiocruz: em defesa da ciência e tecnologia no país
Materiais informativos sobre a atuação do Sindicato dos Trabalhadores da Fiocruz (Asfoc-SN).
Público prioritário: adultos e idosos

Trilha Científica Oswaldo Cruz
Um passeio recheado de conhecimentos sobre ambiente e patrimônio ambiental.
Público prioritário: adolescentes e adultos

A Vida Secreta dos Fungos
A atividade vai mostrar diferentes formas de utilização dos fungos e seu potencial para o desenvolvimento da ciência e tecnologia do país. 
Público prioritário: infantil e adolescente

Local: Escola Estadual de Educação Profissional Eusébio de Queiroz

Dia 18 de outubro, quinta-feira

8h30 - 9h30: Apresentação de vídeos da Fiocruz - Mudando o Mundo e Anima Saúde -, seguida de roda de conversa
9h - 16h: Atividade teatral sobre uso correto e descarte de medicamentos
10h - 11h: Construindo moléculas e medicamentos para a população - atividade interativa com computadores e moléculas em 3D
11h - 12h: As "balas mágicas" de Ehrlich em nosso dia a dia - palestra e roda de conversa
13h30 - 14h30: A vacina como ferramenta para a redução das iniquidades - palestra
15:00 - 16:30: Visualizando o mundo microscópico - atividade interativa

Dia 19 de outubro, sexta-feira

8h30: Visita técnica na área de influência da Lagoa da Precabura, com o objetivo de realizar estudos de campo e subsidiar a criação de uma unidade de conservação que contribua para a preservação da Lagoa. 
Concentração na Fiocruz Ceará e partida para a visita nas nascentes da Lagoa da Precabura.

Ausência
Exposição da fotógrafa Nana Moraes revela, por meio de fotos, cartas e costuras, a relação entre mães presidiárias e seus filhos.
Horário: 9h às 12h
Público: a partir de 12 anos
Local: Cavalariça

Borboletário Fiocruz
O público mergulha no universo das borboletas e descobre detalhes sobre seu ciclo de vida, hábitos alimentares, o segredo por trás de suas variadas cores, táticas e estratégias de sobrevivência. 
Horário: 9h às 12h
Público prioritário: todos
Local: Área externa da Tenda da Ciência

Câmara Escura
Atividade interativa sobre fenômenos luminosos, como a formação da imagem na retina e a questão das cores e suas misturas.
Horário: 9h às 12h
Público prioritário: a partir dos 7 anos
Local: Pirâmide do Parque da Ciência

A ciência caiu na tinta
A exposição, assinada pelo artista Itamar Crispim, reúne telas pintadas em acrílico que reproduzem imagens científicas produzidas por pesquisadores da Fiocruz Paraná.  
Horário: 9h às 12h
Público prioritário: adolescentes, adultos e idosos
Local: Prédio do Relógio

A ciência de mãos dadas com a diversidade
Roda de conversa com pessoas vivendo com HIV, síndrome de Down, população negra e transexuais, após breve apresentação sobre os avanços da ciência para a redução das desigualdades.
Horário: 9h e 11h
Público prioritário: todos
Local: Foyer do Museu da Vida

Há vida numa gota d'água?
Ao observarem amostras de água em microscópios, os visitantes são chamados a refletir sobre a importância da qualidade da água para consumo humano.
Horário: 9h às 12h
Público prioritário: a partir dos 7 anos
Local: Pirâmide do Parque da Ciência

Insetos Ilustrados
A exposição aborda o universo dos insetos e a importância dos desenhos para a ciência (dispõe de vídeos em Libras e com audiodescrição).
Horário: 9h às 12h
Público prioritário: adolescentes, adultos e idosos
Local: Castelo Mourisco

Laboratório de Percepção
Esta atividade explora o tema da percepção por meio de diferentes recursos, como painéis interativos e instrumentos ópticos.
Horário: 9h e 11h
Público prioritário: todos
Local: Epidauro

A Mulher e o Câncer do Colo do Útero
A exposição traz informações para que a população conheça melhor esse câncer e suas formas de enfrentamento ao longo da história até os dias de hoje.
Horário: 9h às 12h
Público prioritário: adolescentes, adultos e idosos
Local: Centro de Recepção do Museu da Vida

Parque da Ciência
Instalações interativas organizadas em três temas principais - energia, comunicação e organização da vida. Destaque para a célula gigante.
Horário: 9h às 12h
Público prioritário: todos
Local: Parque da Ciência

Passado e Presente
Nessa exposição, o público é convidado a fazer um passeio ao Rio de Janeiro do início do século 20. Fotos, documentos e objetos históricos revelam o contexto desse período, marcado por episódios como a Revolta da Vacina, por personagens como Oswaldo Cruz e Carlos Chagas e por uma série de transformações na saúde pública do Brasil.
Horário: 9h às 12h
Público prioritário: todos
Local: Castelo Mourisco

SaudávelMente
A exposição traz dicas de prevenção e diagnóstico precoce do câncer e destaca que hábitos simples, como alimentação saudável, atividades físicas, lazer, sexo com camisinha e filtro solar bem aplicado, podem contribuir para evitar doenças no futuro (dispõe de vídeos em Libras e com audiodescrição).
Horário: 9h às 12h
Público prioritário: adolescentes, adultos e idosos
Local: Salão de Exposições Temporárias do Museu da Vida

Ver Ciência
Mostra de vídeos científicos.
Horário: 9h às 12h
Público prioritário: adolescentes, adultos e idosos
Local: Centro de Recepção do Museu da Vida

Vida Plena
Palestra e vivência sobre meditação, respiração e outras técnicas a serem aplicadas no dia a dia.
Horário: 9h
Público prioritário: todos
Local: Sala de Vídeo do Centro de Recepção do Museu da Vida

World Mosquito Program
Iniciativa internacional, sem fins lucrativos, estuda uma abordagem inovadora para reduzir a transmissão dos vírus da dengue, zika e chikungunya pelo mosquito Aedes aegypti, de forma segura, natural e autossustentável. A abordagem consiste em utilizar o mosquito Aedes aegypti com um bactéria, a Wolbachia, que tem o potencial de reduzir a transmissão dos vírus. 
Horário: 9h às 12h
Público prioritário: adolescentes, adultos e idosos
Local: Centro de Recepção do Museu da Vida

Bate-papo com autores
Autores de livros da Editora Fiocruz conversam com os visitantes sobre os temas de seus livros. Nesta sessão, bate-papo com Igor Sacramento, autor do livro "Saúde e Jornalismo: interfaces contemporâneas".
Horário: 10h
Público prioritário: adolescentes, adultos e idosos
Local: Espaço Lounge (Tenda da SNCT)

Contribuição da Vigilância Sanitária para a Redução das Desigualdades
Roda de conversa sobre o que é e como acontece a resistência antimicrobiana.
Horário: 10h
Público prioritário: todos
Local: Sala de Vídeo do Centro de Recepção do Museu da Vida

Desenho Científico
Arte, ciência e muita técnica! Você já ouviu falar em ilustração científica? Os visitantes são convidados a desvendar esta antiga técnica, que surgiu durante o Renascimento, nos séculos XVI e XVII. Venha ser um ilustrador científico!
Horário: 10h
Público prioritário: a partir de 10 anos
Local: Epidauro

Oficinas de rap e slam
Uma história da cultura do rap e do movimento slam, seguida de apresentações em que o público é chamado a participar ativamente com rimas e poesias.
Horário: 10h
Público prioritário: adolescentes
Local: Anfiteatro do Centro de Recepção do Museu da Vida

Ver Ciência: roda de conversa
Mostra de vídeos científicos seguida de bate-papo.
Horário: 11h
Público prioritário: adolescentes, adultos e idosos
Local: Tenda da Ciência

Yoga, unicidade e igualdade
Palestra sobre meditação, um bem disponível a todos - basta fechar os olhos e silenciar.
Horário: 11h
Público prioritário: todos
Local: Sala de Vídeo do Centro de Recepção do Museu da Vida

Pesquisadores do Museu da Vida assinam dois artigos recentes onde analisam o potencial de atividades teatrais com mote científico.

Alimentando o Olhar na Saúde
Utilizando um tapete lúdico, a atividade busca contextualizar conhecimentos sobre alimentação e saúde em diferentes territórios.
Público prioritário: todos

Contribuição da Vigilância Sanitária para a Redução das Desigualdades
Atividades expositivas relacionadas ao controle de qualidade de produtos como medicamentos, alimentos, vacinas e cosméticos.
Público prioritário: todos

Div & Ap - Doença de Chagas: divertindo e aprendendo sobre a doença de Chagas
Jogo educativo sobre os principais vetores da doença de Chagas no Brasil.
Público prioritário: jovens e professores

HIV e Aids: tire suas dúvidas!
Atividade expositiva com maquete mostrando a estrutura do HIV e de uma célula do sistema imunológico, além de jogo educativo e oficina.
Público prioritário: todos 

A Importância dos Biomodelos para o SUS
A atividade busca promover uma reflexão sobre o uso de animais em pesquisa, bem como apresentar o horizonte dos métodos alternativos.
Público prioritário: adolescentes

O legal do som: um bem para você e sua audição
Esta oficina tem por objetivo conscientizar os visitantes sobre o ruído e seus efeitos sobre a saúde, a qualidade de vida e o meio ambiente, bem como sobre a responsabilidade de cada um em reduzir o ruído gerado pelas atividades diárias. Serão realizadas medições e exames.
Público prioritário: todos

As Leishmanioses
Os flebotomíneos, transmissores das leishmanioses, poderão ser visualizados em lupa e em tubos. Haverá também mesa de desenho, quebra-cabeça e jogo da memória.
Público prioritário: todos

Lesmas e Caracóis: diversidade e importância para a saúde pública
Exposição de diferentes moluscos terrestres e de água doce, com ênfase naqueles de interesse médico e orientações sobre os cuidados necessários.
Público prioritário: todos

A matemática está em tudo
Oficinas variadas, incluindo montar uma réplica de um motor eletromagnético utilizando objetos simples e de fácil acesso, como pilhas, alfinetes, fio de cobre e fita durex. 
Público prioritário: todos

Microorganismos & Alimentos: os que nos ajudam e os que nos atrapalham
Os participantes poderão conhecer microrganismos associados a doenças e microrganimos associados à microbiota natural, e como os alimentos que consumimos podem afetar essa microbiota e nos deixar mais vulneráveis a doenças.
Público prioritário: todos

Mostra Itinerante Saúde e Meio Ambiente nas Escolas
Exibição de trabalhos realizados por professores e alunos de todo o Brasil, considerados de excelência por suas abordagens de temas urgentes nos campos da saúde e do meio ambiente.
Público prioritário: todos

Olho Vivo no Barbeiro: uma ação independente das desigualdades
Serão apresentadas as formas de desenvolvimento do barbeiro, como ocorre a dispersão entre os diferentes ambientes e a colonização do domicílio, bem como as medidas de prevenção da doença de Chagas.
Público prioritário: todos

Olho Vivo no Percevejo de Cama: um incômodo nos cômodos independente das desigualdades
Serão apresentadas as formas de desenvolvimento do percevejo de cama, como ocorre a dispersão e as infestações nos diferentes ambientes, e as medidas de prevenção e controle que vêm sendo utilizadas.
Público prioritário: todos

Praticando os 3Rs Aqui e Acolá
Esquete teatral sobre meio ambiente e sustentabilidade 
Horário: 14h às 14h30
Público prioritário: todos

Que doença tropical é essa?
Jogue com a gente e conheça as formas de transmissão das doenças tropicais.
Público prioritário: todos

O que o cocô pode falar?!
Conheça as características dos vermes e protozoários intestinais; jogue com a gente e descubra se aprendeu a se prevenir das parasitoses.
Público prioritário: todos

Quiz: Olimpíada e os 17 ODS 
Jogo sobre os 17 Objetivos do Desenvolvimento Sustentável e a Agenda 2030.
Público prioritário: todos

Trilha Científica Oswaldo Cruz
Um passeio recheado de conhecimentos sobre ambiente e patrimônio ambiental.
Público prioritário: adolescentes e adultos

A Vida Secreta dos Fungos
A atividade vai mostrar diferentes formas de utilização dos fungos e seu potencial para o desenvolvimento da ciência e tecnologia do país. 
Público prioritário: infantil e adolescente

Haverá atividades na Quinta da Boa Vista, em conjunto com o Museu Nacional.

Haverá também espetáculos teatrais - "O rapaz da rabeca e a moça Rebeca" e "É o fim da picada" - nos municípios de Nova Iguaçu (sexta-feira, 19/10), Mesquita (sábado, 20/10) e Maricá (domingo, 21/10).  

E mais:

Biodiversidade e Saúde
Exposição que provoca reflexões sobre as relações entre a biodiversidade, a saúde e suas perspectivas socioambientais. Apresentada na forma de painéis e módulos interativos, convida o visitante a compreender a complexidade da vida em seus diferentes níveis de hierarquia; a conhecer mais sobre os seis biomas brasileiros - Amazônia, Cerrado, Caatinga, Pantanal, Mata Atlântica e Pampas; e a refletir sobre a intervenção humana na natureza e na aceleração do processo de extinção de espécies. 
Visitação: de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h, até 15 de dezembro
Local: Palácio Itaboraí / Fiocruz Petrópolis
Endereço: rua Visconde de Itaboraí, nº 188, Valparaíso, Petrópolis / RJ
Clique aqui para mais informações sobre a exposição
Clique aqui para a programação da SNCT 2018 de Petrópolis

O Controle do Câncer de Mama no Brasil
Os painéis dessa exposição abordam aspectos históricos, médicos e culturais, com foco no câncer de mama e nas ações para o seu controle no Brasil. Hoje a doença pode ser diagnosticada precocemente e dispõe de alternativas de tratamento e cura.
Visitação: de segunda a sexta-feira, das 10h às 16h, até 6 de novembro
Local: Corredor Cultural Willy Voigot - Prefeitura de Nilópolis
Endereço: rua Pedro Álvares Cabral, nº 305, Centro, Nilópolis / RJ
Entrada gratuita
Clique aqui para mais informações

Nós do Mundo
A exposição discute a relação do homem com a natureza, mostrando tanto o cenário mundial contemporâneo como algumas das soluções já existentes para o alcance de um desenvolvimento mais sustentável. Aborda temas como consumismo exagerado, mudanças climáticas, matrizes energéticas, desigualdades sociais e degradação do meio ambiente.
Visitação: de segunda a sexta-feira, das 9h às 20h, até 29 de novembro
Local: Galeria La Salle - Unilasalle-RJ
Endereço: rua Gastão Gonçalves, nº 79, Santa Rosa, Niterói / RJ
Entrada gratuita
Clique aqui para mais informações

Nós do Mundo: pocket
Uma versão da exposição original, composta por dez painéis ricamente ilustrados que abordam a extinção de espécies, as mudanças climáticas, a desertificação de terras e como tudo isso se relaciona com as desigualdades sociais e tem impacto na nossa vida e na nossa saúde.
Visitação: diariamente, das 6h da manhã à meia-noite, até 13 de novembro
Local: Estação Rodoviária do VLT Carioca
Endereço: rua Santo Cristo, nº 123-131, Santo Cristo, Rio de Janeiro / RJ
Entrada gratuita
Clique aqui para mais informações

 

 

O Rio que se queria negar
O público pode conhecer parte do acervo fotográfico do antropólogo Anthony Leeds cedido à Casa de Oswaldo Cruz (COC/Fiocruz) por sua viúva, a cientista política Elizabeth Leeds. As imagens da exposição apresentam a estrutura das favelas cariocas e suas dinâmicas internas na década de 1960, período em que Leeds morou no Tuiuti e Jacarezinho.
Visitação: diariamente, das 7 às 18h, até 23 de outubro
Local: Parque Natural Municipal de Gericinó
Endereço: rua Antônio João Mendonça, Nilópolis / RJ
Clique aqui para mais informações

 

A 15ª edição da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNCT) trabalhará o tema "Ciência para a Redução das Desigualdades”. A motivação para a escolha desse tema se baseia na Agenda 2030, estabelecida pela Organização das Nações Unidas (ONU), e seus 17 Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS), em particular o ODS 10: redução das desigualdades. Nessa direção, pelo segundo ano consecutivo, a Fiocruz, a UFRJ e as organizações de base sociocomunitária atuantes nas favelas de Manguinhos e da Maré propõem, conjuntamente, uma programação articulada e mais ampliada, apontando para uma atuação de fortalecimento do campo da ciência cidadã. Dessa forma, além da programação entre os dias 15 e 19 de outubro nos campi da Fiocruz e da UFRJ, também serão promovidas atividades nos dias 24 e 25 de outubro, em escolas de Manguinhos e da Maré.

O objetivo principal da articulação é, ao longo do ano, desenvolver coletivamente atividades que reconheçam conhecimentos e experimentos tecnológicos relacionados com os princípios e conceitos da tecnologia social e construídos pelos grupos e organizações populares e comunitárias. Espera-se que o encontro das expertises presentes nos territórios de favelas com as instituições de ensino e pesquisa provoque reflexões e discussões em torno da ciência e tecnologia para a redução das desigualdades sociais e de suas consequências nos territórios favelizados vizinhos aos campi da Fiocruz e UFRJ.

Serão promovidas mais de 20 atividades como oficinas, exposições, rodas de conversa, mostras de vídeos, apresentações culturais, entre outras. Toda a programação circulará nos diferentes espaços das instituições e dos territórios: Escola de Educação Física e Desportos, Centro de Ciências Matemáticas e da Natureza e Museu Nacional da UFRJ; Museu da Vida da Fiocruz; Colégio Estadual Compositor Luiz Carlos da Vila em Manguinhos; e Escola Municipal Escritor Bartolomeu Campos de Queirós na Maré. As atividades nos campi da UFRJ e Fiocruz (de 15 a 19 de outubro) serão abertas ao público em geral; aquelas que ocorrerão nas escolas (nos dias 24 e 25 de outubro) serão voltadas apenas para seus estudantes.

Clique aqui para conferir a programação nos campi da UFRJ e Fiocruz (de 15 a 19 de outubro)  

Sobre a SNCT 2018
Realizada anualmente sempre no mês de outubro, a SNCT tem o objetivo de aproximar a ciência e a tecnologia da população, promovendo eventos e atividades de divulgação e popularização científica em todo o país. A ideia é construir uma linguagem acessível e meios inovadores, que estimulem a curiosidade e motivem as pessoas a discutirem as implicações sociais da ciência, tecnologia e inovação como ferramentas de ampliação do conhecimento. Um conhecimento voltado para as necessárias transformações sociais e econômicas, que resultem na melhoria da qualidade de vida da população empobrecida e residente em territórios vulnerabilizados na persceptiva social, civil e ambiental, como os territórios de favela.

Confira as atividades (em ordem alfabética) deste sábado (20 de outubro), dia de encerramento da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia 2018 na Fiocruz:

Atividades variadas de saúde e bem-estar
10h: Constelação Familiar
11h: Respiração Bioflow
12h: Apresentação de dança do ventre - o público também poderá dançar, caso queira (para públicos de todas as idades)
​Local: Tenda da Ciência

Ausência
Exposição da fotógrafa Nana Moraes revela, por meio de fotos, cartas e costuras, a relação entre mães presidiárias e seus filhos.
Horário: 10h às 16h
Público: a partir de 12 anos
Local: Cavalariça

Borboletário Fiocruz
O público mergulha no universo das borboletas e descobre detalhes sobre seu ciclo de vida, hábitos alimentares, o segredo por trás de suas variadas cores, táticas e estratégias de sobrevivência. 
Horário: 10h às 16h
Público prioritário: todos
Local: Área externa da Tenda da Ciência

A ciência caiu na tinta
A exposição, assinada pelo artista Itamar Crispim, reúne telas pintadas em acrílico que reproduzem imagens científicas produzidas por pesquisadores da Fiocruz Paraná.  
Horário: 10h às 16h
Público prioritário: adolescentes, adultos e idosos
Local: Prédio do Relógio

Laboratório de Percepção
Esta atividade explora o tema da percepção por meio de diferentes recursos, como painéis interativos e instrumentos ópticos.
Horário: 10h às 16h
Público prioritário: todos
Local: Epidauro

Mostra Insetos Ilustrados
Quase toda criança gosta de desenhar. E muito cientista também! Para os pesquisadores que estudam a natureza, o desenho é uma ferramenta valiosa de trabalho. Ele permite representar, com muitos detalhes, animais e plantas, por exemplo. Uma parte da exposição está localizada dentro da Biblioteca de Obras Raras do Castelo Mourisco, um local incrível para conhecer! A ilustração científica e a entomologia são tema desta exposição da Fiocruz e da Folguedo, em parceria com o Museu da Vida e outras unidades da Fundação. A mostra conta com áudiodescrição, vídeos e painéis na Língua Brasileira de Sinais.
Horários: 10h10, 11h, 11h50, 12h40, 13h30, 14h20 e 15h10
Idade: a partir de 5 anos
Local: Castelo Mourisco

Parque da Ciência
Instalações interativas organizadas em três temas principais - energia, comunicação e organização da vida. Destaque para a célula gigante.
Horário: 10h às 16h
Público prioritário: todos
Local: Parque da Ciência

Pirâmide
O espaço tem esse nome porque, olha só, o telhado se parece com uma pirâmide! Lá dentro, é possível conferir várias atividades: uma câmara escura, onde os visitantes podem observar um modelo de olho humano gigante, sala de informática, salão de jogos e experimentos científicos com atrações que falam sobre as vidas micro e macroscópica. 
Horários: 10h às 16h
Idade: livre
Local: bem próxima ao Parque da Ciência

SaudávelMente
A exposição traz dicas de prevenção e diagnóstico precoce do câncer e destaca que hábitos simples, como alimentação saudável, atividades físicas, lazer, sexo com camisinha e filtro solar bem aplicado, podem contribuir para evitar doenças no futuro.
Horário: 10h às 16h
Público prioritário: adolescentes, adultos e idosos
Local: Salão de Exposições Temporárias do Museu da Vida

Visita ao Castelo da Fiocruz
Joia da arquitetura eclética brasileira, o Castelo Mourisco é a principal edificação do núcleo histórico e arquitetônico de Manguinhos. Este senhor centenário é tombado como patrimônio histórico nacional! Ao visitá-lo, fatos, fotos e documentos históricos revelam curiosidades de sua construção. Neste espaço de visitação, o público também pode contemplar a arquitetura em estilo neomourisco, a beleza dos azulejos portugueses e os mosaicos inspirados em tapeçaria árabe.
Horários: 10h10, 11h, 11h50, 12h40, 13h30, 14h20 e 15h10
Idade: livre
Local: Castelo Mourisco

 

Ausência
Exposição da fotógrafa Nana Moraes revela, por meio de fotos, cartas e costuras, a relação entre mães presidiárias e seus filhos.
Horário: 13h30 às 16h30
Público: a partir de 12 anos
Local: Cavalariça 

Bate-papo com autores
Autores de livros da Editora Fiocruz conversam com os visitantes sobre os temas de seus livros. Nesta sessão, bate-papo com Marcelo Vasconcellos, autor do livro "O Jogo como Prática de Saúde".
Horário: 13h30
Público prioritário: adolescentes, adultos e idosos
Local: Espaço Lounge (Tenda da SNCT)

Borboletário Fiocruz
O público mergulha no universo das borboletas e descobre detalhes sobre seu ciclo de vida, hábitos alimentares, o segredo por trás de suas variadas cores, táticas e estratégias de sobrevivência. 
Horário: 13h30 às 16h30
Público prioritário: todos
Local: Área externa da Tenda da Ciência

Câmara Escura
Atividade interativa sobre fenômenos luminosos, como a formação da imagem na retina e a questão das cores e suas misturas.
Horário: 13h30 às 16h30
Público prioritário: a partir dos 7 anos
Local: Pirâmide do Parque da Ciência

A ciência caiu na tinta
A exposição, assinada pelo artista Itamar Crispim, reúne telas pintadas em acrílico que reproduzem imagens científicas produzidas por pesquisadores da Fiocruz Paraná.  
Horário: 13h30 às 16h30
Público prioritário: adolescentes, adultos e idosos
Local: Prédio do Relógio

"Como e Por Que as Desigualdades Sociais Fazem Mal à Saúde"
Lançamento do e-book interativo; haverá tablets para que os visitantes conheçam a obra.
Horário: 13h30 às 16h30
Público prioritário: adolescentes e adultos
Local: Centro de Recepção do Museu da Vida

Diva Gina Show
Apresentações lúdicas sobre as pesquisas desenvolvidas no Laboratório de Pesquisa Clínica em DST/Aids (LaPClin-Aids/INI/Fiocruz).
Horário: 13h30, 14h30 e 15h30
Público prioritário: adolescentes, adultos e idosos
Local: Sala de Vídeo do Centro de Recepção do Museu da Vida

Existe Ciência na Favela?
Atividade que busca desconstruir a ideia de que cientista é apenas o profissional que fica no laboratório; promover uma reflexão sobre como a ciência está inserida na rotina da favela; e discutir sobre os conceitos de raça e gênero na produção científica brasileira. 
Horário: 13h30
Público: infantil e adolescente
Local: Tenda da Ciência

Há vida numa gota d'água?
Ao observarem amostras de água em microscópios, os visitantes são chamados a refletir sobre a importância da qualidade da água para consumo humano.
Horário: 13h30 às 16h30
Público prioritário: a partir dos 7 anos
Local: Pirâmide do Parque da Ciência

Insetos Ilustrados
A exposição aborda o universo dos insetos e a importância dos desenhos para a ciência (dispõe de vídeos em Libras e com audiodescrição).
Horário: 13h30 às 16h30
Público prioritário: adolescentes, adultos e idosos
Local: Castelo Mourisco

A Mulher e o Câncer do Colo do Útero
A exposição traz informações para que a população conheça melhor esse câncer e suas formas de enfrentamento ao longo da história até os dias de hoje.
Horário: 13h30 às 16h30
Público prioritário: adolescentes, adultos e idosos
Local: Centro de Recepção do Museu da Vida

Parque da Ciência
Instalações interativas organizadas em três temas principais - energia, comunicação e organização da vida. Destaque para a célula gigante.
Horário: 13h30 às 16h30
Público prioritário: todos
Local: Parque da Ciência

Passado e Presente
Nessa exposição, o público é convidado a fazer um passeio ao Rio de Janeiro do início do século 20. Fotos, documentos e objetos históricos revelam o contexto desse período, marcado por episódios como a Revolta da Vacina, por personagens como Oswaldo Cruz e Carlos Chagas e por uma série de transformações na saúde pública do Brasil.
Horário: 13h30 às 16h30
Público prioritário: todos
Local: Castelo Mourisco

SaudávelMente
A exposição traz dicas de prevenção e diagnóstico precoce do câncer e destaca que hábitos simples, como alimentação saudável, atividades físicas, lazer, sexo com camisinha e filtro solar bem aplicado, podem contribuir para evitar doenças no futuro.
Horário: 13h30 às 16h30
Público prioritário: adolescentes, adultos e idosos
Local: Salão de Exposições Temporárias do Museu da Vida

Ver Ciência
Mostra de vídeos científicos.
Horário: 13h30 às 16h30
Público prioritário: adolescentes, adultos e idosos
Local: Centro de Recepção do Museu da Vida

O Segredo das Cores
Contação de história do livro “Nicolau tinha uma ideia”, de Ruth Rocha. Em seguida, o público é convidado a construir suas próprias ideias em forma de desenho, com lápis de cores específicas, que, na presença de filtros, desaparecem sob o efeito da luz. 
Horário: 13h30
Público prioritário: a partir de 5 anos
Local: Epidauro

A ciência de mãos dadas com a diversidade
Roda de conversa com pessoas vivendo com HIV, síndrome de Down, população negra e transexuais, após breve apresentação sobre os avanços da ciência para a redução das desigualdades.
Horário: 14h30 e 15h30
Público prioritário: todos
Local: Foyer do Museu da Vida

Laboratório de Percepção
Esta atividade explora o tema da percepção por meio de diferentes recursos, como painéis interativos e instrumentos ópticos.
Horário: 14h30 e 15h30
Público prioritário: todos
Local: Epidauro

Alimentando o Olhar na Saúde
Utilizando um tapete lúdico, a atividade busca contextualizar conhecimentos sobre alimentação e saúde em diferentes territórios.
Público prioritário: todos

Contribuição da Vigilância Sanitária para a Redução das Desigualdades
Atividades expositivas relacionadas ao controle de qualidade de produtos como medicamentos, alimentos, vacinas e cosméticos.
Público prioritário: todos

Div & Ap - Doença de Chagas: divertindo e aprendendo sobre a doença de Chagas
Jogo educativo sobre os principais vetores da doença de Chagas no Brasil.
Público prioritário: jovens e professores

HIV e Aids: tire suas dúvidas!
Atividade expositiva com maquete mostrando a estrutura do HIV e de uma célula do sistema imunológico, além de jogo educativo e oficina.
Público prioritário: todos 

O legal do som: um bem para você e sua audição
Esta oficina tem por objetivo conscientizar os visitantes sobre o ruído e seus efeitos sobre a saúde, a qualidade de vida e o meio ambiente, bem como sobre a responsabilidade de cada um em reduzir o ruído gerado pelas atividades diárias. Serão realizadas medições e exames.
Público prioritário: todos

As Leishmanioses
Os flebotomíneos, transmissores das leishmanioses, poderão ser visualizados em lupa e em tubos. Haverá também mesa de desenho, quebra-cabeça e jogo da memória.
Público prioritário: todos

Lesmas e Caracóis: diversidade e importância para a saúde pública
Exposição de diferentes moluscos terrestres e de água doce, com ênfase naqueles de interesse médico e orientações sobre os cuidados necessários.
Público prioritário: todos

A matemática está em tudo
Oficinas variadas, incluindo montar uma réplica de um motor eletromagnético utilizando objetos simples e de fácil acesso, como pilhas, alfinetes, fio de cobre e fita durex. 
Público prioritário: todos

Medicamento Não É Brinquedo
Utilizando maquetes de um consultório médico e de um ambiente doméstico, serão apresentadas medidas que diminuem o risco de intoxicações por medicamentos. 
Público prioritário: todos

Microorganismos & Alimentos: os que nos ajudam e os que nos atrapalham
Os participantes poderão conhecer microrganismos associados a doenças e microrganimos associados à microbiota natural, e como os alimentos que consumimos podem afetar essa microbiota e nos deixar mais vulneráveis a doenças.
Público prioritário: todos

Mostra Itinerante Saúde e Meio Ambiente nas Escolas
Exibição de trabalhos realizados por professores e alunos de todo o Brasil, considerados de excelência por suas abordagens de temas urgentes nos campos da saúde e do meio ambiente.
Público prioritário: todos

O olhar da negritude a partir do colorismo
Convida ao debate sobre o colorismo e os aspectos da ancestralidade na perspectiva da desigualdade étnica existente no Brasil, pelo recorte de etnia e classe.
Público prioritário: adolescentes, adultos e idosos

Olho Vivo no Barbeiro: uma ação independente das desigualdades
Serão apresentadas as formas de desenvolvimento do barbeiro, como ocorre a dispersão entre os diferentes ambientes e a colonização do domicílio, bem como as medidas de prevenção da doença de Chagas.
Público prioritário: todos

Olho Vivo no Percevejo de Cama: um incômodo nos cômodos independente das desigualdades
Serão apresentadas as formas de desenvolvimento do percevejo de cama, como ocorre a dispersão e as infestações nos diferentes ambientes, e as medidas de prevenção e controle que vêm sendo utilizadas.
Público prioritário: todos

Que doença tropical é essa?
Jogue com a gente e conheça as formas de transmissão das doenças tropicais.
Público prioritário: todos

O que o cocô pode falar?!
Conheça as características dos vermes e protozoários intestinais; jogue com a gente e descubra se aprendeu a se prevenir das parasitoses.
Público prioritário: todos

Quiz: Olimpíada e os 17 ODS 
Jogo sobre os 17 Objetivos do Desenvolvimento Sustentável e a Agenda 2030.
Público prioritário: todos

Sindicato dos Trabalhadores da Fiocruz: em defesa da ciência e tecnologia no país
Materiais informativos sobre a atuação do Sindicato dos Trabalhadores da Fiocruz (Asfoc-SN).
Público prioritário: adultos e idosos

Trilha Científica Oswaldo Cruz
Um passeio recheado de conhecimentos sobre ambiente e patrimônio ambiental.
Público prioritário: adolescentes e adultos

A Vida Secreta dos Fungos
A atividade vai mostrar diferentes formas de utilização dos fungos e seu potencial para o desenvolvimento da ciência e tecnologia do país. 
Público prioritário: infantil e adolescente

Link para o site Invivo
link para o site do explorador mirim
link para o site brasiliana

funcionamento terça a sexta-feira: 9-16h30, sábados: 10h-16h

agendamento de visitas 55 21 2590-6747

Fiocruz, Av. Brasil, 4365 - Manguinhos, Rio de Janeiro| CEP: 21040-900

Copyright © Museu da vida | Casa de Oswaldo Cruz | Fiocruz

museudavida@fiocruz.br

Assessoria de imprensa: divulgacao@coc.fiocruz.br.

O Museu da Vida faz parte de:

abcmc astc redpop ecsite icom

Amigos do Museu da Vida: uma rede de Saúde, ciência e cultura

patrocínio master

ibm Nova Rio conheça