Ir para o conteúdo
Além das diversas espécies de plantas, o Jardim Botânico do Rio de Janeiro abriga muitos animais e todos eles também precisam de atenção e cuidado especiais. Como a divulgação científica pode ajudar nessa tarefa? (Imagem: Alexandre Machado)

Já parou para pensar como que faz para cuidar dos habitantes de um jardim que existe desde 1808? Estamos falando do Jardim Botânico do Rio de Janeiro (JBRJ), fundado no ano da chegada da família real portuguesa ao Brasil! No dia 9 de julho, aconteceu o seminário “Conservação da fauna do Jardim Botânico do Rio de Janeiro e a divulgação científica”, encontro promovido pela Especialização em Divulgação e Popularização da Ciência 2018. O evento é gratuito e recebeu, na Tenda da Ciência do Museu da Vida, a engenheira agrônoma Maria Lucia Moscatelli e a biológa Cristiane Rangel. 

Maria Lucia, que é responsável pela Área de Saúde Vegetal e pelo manejo de abelhas nativas do JBRJ, compartilhou com o público as experiências com a divulgação das estratégias de conservação da saúde da coleção viva do jardim. “Falei, também, como buscamos sensibilizar as pessoas em relação a alguns insetos que não costumam interagir muito com o ambiente urbano, mostrando como eles vivem em seu ambiente natural”, esclarece.

Já a integrante do Núcleo de Fauna do JBRJ Cristiane Rangel, que atua no atendimento a animais vertebrados debilitados, entre outras atividades, abordou como funciona o trabalho de orientação ao público visitante sobre como se relacionar com a fauna local. “Além da divulgação dos resultados e produtos gerados em trabalhos acadêmicos, congressos e artigos, por exemplo, buscamos divulgar para o grande público em nossas redes sociais. The link to gambling website best australian online casino - online pokies Com textos curtos e de fácil compreensão, fotos e interação com os seguidores, estreitamos os canais de comunicação com os visitantes”, afirma. 

Atualizado em 10/7/2018

Link para o site Invivo
link para o site do explorador mirim
link para o site brasiliana

funcionamento terça a sexta-feira: 9-16h30, sábados: 10h-16h

agendamento de visitas 55 21 2590-6747

Fiocruz, Av. Brasil, 4365 - Manguinhos, Rio de Janeiro| CEP: 21040-900

Copyright © Museu da vida | Casa de Oswaldo Cruz | Fiocruz

museudavida@fiocruz.br

Assessoria de imprensa: divulgacao@coc.fiocruz.br.

O Museu da Vida faz parte de:

abcmc astc redpop ecsite icom

Amigos do Museu da Vida: uma rede de Saúde, ciência e cultura

patrocínio master

ibm Nova Rio conheça