Ir para o conteúdo

Compartilhe

Facebook Twitter Imprimir
O Armazém 4 do Cais do Porto, no Rio de Janeiro, se transformou num grande palco para a popularização da ciência, da tecnologia e da inovação entre os dias 13 e 22 de junho de 2012: o Museu da Vida, juntamente com mais de 50 instituições, participou do Armazém Pop Ciência na Rio+20, desenvolvendo atividades sobre os temas da conferência, como sustentabilidade, meio ambiente, produção de energia e diminuição da pobreza.

A solenidade de abertura oficial, no dia 13, contou com a presença do ministro da Ciência, Tecnologia e Inovação, Marco Antonio Raupp, e do prefeito da cidade do Rio de Janeiro, Eduardo Paes. Todas as atividades foram gratuitas.
O Museu da Vida levou ao Armazém Pop Ciência na Rio+20 o ciclo de atividades “Vida de inseto”, a exposição “Evolução e natureza tropical” e os resultados do projeto CEnaRIOS. Somando os dez dias de evento, nossas atrações receberam um público de cerca de 22 mil pessoas. Clique aqui para ver uma fotogaleria com registros da nossa participação.

Foto: Luanda Lima
Pequenos notáveis

Ainda que algumas vezes passem despercebidos, os insetos fazem parte da nossa vida e estão por todos os lugares. Em "Vida de inseto", o público pôde conhecer, de maneira divertida, um pouco mais sobre esses bichos.
No Armazém, os visitantes participaram de “Asas pra que te quero”, em que puderam observar os diferentes tipos de asas dos insetos em microscópios e explorar as características de cada espécie. Já “Hora do lanche... dos insetos” convidou o público a acompanhar a preparação de pratos com “gostosuras” apreciadas por esses animais, a fim de entender como eles se organizam e de que se alimentam.
Outras atividades levadas ao Cais do Porto foram “Histórias para contar”, que misturou insetos, literatura e saúde em histórias emocionantes e divertidas; “Insetos do meu jardim”, que abordou a relação entre plantas, flores e insetos, entre outras questões; e “Quem mora aqui?”, em que o público pôde observar e investigar diversas espécies de insetos aquáticos vivos, explorando os diferentes tipos de insetos e ambientes.

Foto: Peter Illiciev
Seleção natural em exposição

A exposição "Evolução e natureza tropical", do Museu da Vida, teve como objetivo destacar como os trópicos, e especialmente a biodiversidade brasileira, inspiraram os cientistas na formulação da teoria da evolução por seleção natural. Os visitantes puderam seguir os caminhos percorridos pelos naturalistas britânicos Charles Darwin e Alfred Wallace até a formulação, independente e concomitante, da referida teoria.
O público também conferiu a apresentação de uma esquete teatral criada pela equipe do Ciência em Cena. "As aventuras de Darwin e Wallace", com direção de Letícia Guimarães, apresentou aos visitantes as descobertas destes personagens, a partir do encontro de quatro amigas e um livro. No elenco, estavam Cacau Berredo, Carolina Bauberguer, Letícia Bianchi, Letícia Guimarães, Monique Eucário e Pablo Aguilar.

Foto: equipe do projeto CEnaRIOS
Impactos locais, desafios globais

Único representante brasileiro do projeto internacional SCEnaRioS, o Museu da Vida desenvolveu junto a jovens cariocas com idades entre 16 e 19 anos um trabalho com o tema “mudanças climáticas: saúde e meio ambiente”, em parceria com jovens de Moçambique.

Durante a Rio+20, os participantes brasileiros apresentaram em computadores com tecnologia touchscreen um mapa georreferenciado com fotografias e informações a respeito dos problemas socioambientais encontrados nas áreas em que vivem – Maré, Manguinhos e Jacaré, no subúrbio do Rio de Janeiro – e observados pelo grupo moçambicano. No dia 19 de junho, houve ainda uma videoconferência de todos os jovens que integram o projeto, com a participação do presidente da Fiocruz, Paulo Gadelha, e do diretor de Relações Internacionais da ASTC, Walter Staveloz.
Link para o site Invivo
link para o site do explorador mirim
link para o site brasiliana

funcionamento terça a sexta-feira: 9-16h30, sábados: 10h-16h

agendamento de visitas (0xx21) 25906747

Fiocruz, Av. Brasil, 4365 - Manguinhos, Rio de Janeiro| CEP: 21045-900

Copyright © Museu da vida | Casa de Oswaldo Cruz | Fiocruz

museudavida@fiocruz.br

O Museu da Vida faz parte de:

abcmc astc redpop ecsite icom

Amigos do Museu da Vida: uma rede de Saúde, ciência e cultura

patrocínio master

ibm dataprev conheça