Ir para o conteúdo


O ciclo de seminários do curso de especialização em Divulgação e Popularização da Ciência realiza, no dia 2 de abril, a mesa-redonda Museus e acervos culturais de ciência e saúde: caminhos para a popularização da ciência, com a participação de Barbara Dias e Inês Nogueira.

Barbara é doutora em microbiologia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro e, atualmente, trabalha no Museu da Patologia do Instituto Oswaldo Cruz, com temas relacionados a patrimônio, divulgação científica, pesquisa – em especial febre amarela –, ensino e desenvolvimento tecnológico. Já Inês é historiadora e doutoranda em Museologia e Patrimônio (Unirio), trabalhando no Museu da Vida/Casa de Oswaldo Cruz com temas relacionados a história dos museus e dos objetos de ciência e tecnologia em saúde.

O debate irá tratar de temas como memória e história na formação de coleções e museus institucionais; a história das doenças e seus acervos culturais, a partir do exemplo da febre amarela; definições do campo da museologia e perspectivas da cultura material, entre outros.

O evento acontece no dia 2 de abril, às 14h, no Auditório do Museu da Vida, na Av. Brasil, 4365 – Manguinhos – Rio de Janeiro (perto da passarela 6 e dentro do campus da Fiocruz).

Publicado em 27/03/2018

 

Link para o site Invivo
link para o site do explorador mirim
link para o site brasiliana

funcionamento terça a sexta-feira: 9-16h30, sábados: 10h-16h

agendamento de visitas (0xx21) 25906747

Assessoria de imprensa: divulgacao@coc.fiocruz.br.

Fiocruz, Av. Brasil, 4365 - Manguinhos, Rio de Janeiro| CEP: 21040-900

Copyright © Museu da vida | Casa de Oswaldo Cruz | Fiocruz

museudavida@fiocruz.br

O Museu da Vida faz parte de:

abcmc astc redpop ecsite icom

Amigos do Museu da Vida: uma rede de Saúde, ciência e cultura

patrocínio master

ibm Nova Rio conheça