Ir para o conteúdo

A Coordenação de Cooperação Social e o Museu da Vida da Casa Oswaldo Cruz promovem, no dia 29 de julho (segunda-feira), o próximo encontro do ciclo “DH em Debate - Direitos Humanos, Saúde e Território de Favelas” com o tema Agenda 2030, Declaração Universal dos Direitos Humanos e Comunicação. O evento ocorre de 9h às 12h no Auditório do Museu da Vida, no Campus Manguinhos da Fiocruz, no Rio de Janeiro, e contará com a presença de intérpretes de Libras.

Na mesa de debate, Claudia Santiago, coordenadora do Núcleo Piratininga de Comunicação (NPC), falará sobre a experiência do NPC na defesa da comunicação popular e comunitária; Rodrigo Murtinho, diretor do Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica em Saúde (Icict/Fiocruz), abordará a comunicação institucional em interface com a saúde e seu papel na divulgação e acesso à informação; e Juliano Fiori, especialista em políticas humanitárias e direitos humanos, fará uma análise crítica da história dos direitos humanos e da construção dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS/Nações Unidas). O evento também contará com falas de comunicadores populares das favelas do Jacarezinho, Maré, Manguinhos e Alemão, além de espaço para manifestações espontâneas (“microfone aberto”), em que o público presente será convidado a também apresentar brevemente suas análises sobre os temas e questões expostos. 

 

Os 17 ODS que integram a Agenda 2030 apresentam a comunicação como eixo transversal no que diz respeito ao desenvolvimento de tecnologias de informação e comunicação (TICs), infraestruturas de inovação que propiciem justiça social e empoderamento e, também, para assegurar o acesso da população à informação de maneira segura e responsável, com garantia às liberdades fundamentais definidas na legislação nacional e nos acordos internacionais. Complementa, deste modo, o que estabelece a Declaração Universal dos Direitos Humanos, em que o direito à liberdade de expressão e a defesa do acesso/transmissão de informações e ideias deve ser garantido a todos, independentemente das fronteiras e dos meios.

O primeiro encontro que deu origem ao DH em Debate, o Seminário Direitos Sitiados, em abril de 2018, discutiu a questão dos recursos hídricos – o acesso à água e seus usos - e a liberdade de expressão; em dezembro, já rebatizado de DH em Debate, a temática relacionada à favela foi Moradia, Deficiência & Acessibilidade e Juventudes.  

DH EM DEBATE
Ciclo 2: Agenda 2030, Direitos Humanos e Comunicação
Data: 29 de julho de 2019
Horário: 9h às 12h
Local: Auditório do Museu da Vida

 

Atualizado em 16/7/2019.

Link para o site Invivo
link para o site do explorador mirim
link para o site brasiliana

funcionamento terça a sexta-feira: 9-16h30, sábados: 10h-16h

agendamento de visitas 55 21 2590-6747

Fiocruz, Av. Brasil, 4365 - Manguinhos, Rio de Janeiro| CEP: 21040-900

Copyright © Museu da vida | Casa de Oswaldo Cruz | Fiocruz

museudavida@fiocruz.br

Assessoria de imprensa: divulgacao@coc.fiocruz.br.

O Museu da Vida faz parte de:

abcmc astc redpop ecsite icom

Amigos do Museu da Vida: uma rede de Saúde, ciência e cultura

patrocínio master

ibm Johnson & Johnson Nova Rio conheça